quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Agradecimentos

Estimados amigos e seguidores...

Senti a obrigação de vos agradecer pelas mensagens de carinho e apoio que
foram colocando na minha ausência.

Foram todos de uma delicadeza e ternura que me deixaram comovida!

Na impossibilidade de responder pessoalmente a cada mensagem, mesmo as mais antigas, as quais li com carinho, faço aqui o meu agradecimento de uma forma geral, talvez não seja a mais correcta, mas por enquanto tenho que continuar devagar e um dia de cada vez.

Doravante, irei estar mais presente e postar os meus pensamentos, e estarei atenta aos vossos comentários assim como começarei a visitar os blogues amigos.

Mais ima vez o meu muito obrigado e bem hajam meus amigos.

Beijinhos desta vossa admiradora

Maria Amora

domingo, 31 de maio de 2015

Informação

Boa noite meus amigos

Li com atenção todos os vossos comentários
Lamento a todos a minha ausência
Mas não estou nas melhores condições...., improvisos da vida!
Quando julgamos estar a correr tudo bem, de um momento para outro, tudo se desfaz
Realmente a vida é um sopro.
Agradeço os vossos encorajadores comentários, os quais retribuo com carinho e amizade por vós.
Beijinhos e só voltarei aqui quando esta fase da minha vida ficar mais fácil de lidar.
Grata a todos pela vossa compreensão.

Maria

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Apatia Profunda

Apatia profunda
Quem dera...
calar o que não consigo falar
calar o que não consigo gritar
ah...
quem dera poder chorar
e secar as lágrimas que não caiem
Quem dera eu
fugir de mim
fugir de ti
desses teus olhos meigos
das tuas doces e quentes carícias
quiçá...
encontraria uma forma
de voltar a amar-te
Quem dera eu sair desta...
Apatia profunda
MGodinho
Pintura-Pino Daeni

domingo, 12 de abril de 2015

Foste apenas um sonho e nada mais!

Foste apenas um sonho e nada mais!
Posso não te ter amado como devia
mas não podes negar que nunca te amei
se não te disse " amo-te " mais vezes
não me culpes
sabes porquê meu amor?
isolaste-te numa concha só tua
onde nunca tive entrada
nem oportunidade de te entender
Quiçá...
hoje fosse diferente
talvez te aceitasse como és
e não teria cometido tal erro
de não te ter amado como devia
e apenas...
amar-te de acordo como sou
má sorte ou destino cruel
tudo terminou
mia culpa
nada fiz para que merecesse
o teu amor
o teu carinho
a tua atenção
Só quis que tudo fosses na minha vida
mas fui exigente
e quis demais
por isso meu querido...
Foste apenas um sonho e nada mais!
M. Godinho
Pintura-Sergio Lopez

quinta-feira, 19 de março de 2015

Com A Noite

Com a noite

Com mais intensidade
vem e chega a saudade
de um amor distante
de um amor que não esqueço
apenas na escuridão da noite

Fico sem o teu doce carinho
fico sem os teu sussurrar
em ternas palavras
bem junto ao meu ouvido
fico sem o calor
do teu ardente corpo
fico sem ti
meu amor
meu amante

Na solidão da noite
deixei de sentir
a tua presença
apenas a solidão
apenas a saudade
de ti...
meu único amor

Ah!
tudo chega...

Com a noite

M. Godinho

terça-feira, 3 de março de 2015

Paixão Proibida

Paixão proibida

Meu amor
não encontro saída
a verdade é dolorosa
fomos impedidos
fomos esquecidos
oh meu querido
tanto que lutámos
pelo nosso amor
mas não permitiram
e assim fomos
separados pela ignorância
por fronteiras espinhosas
de uns
de outros
apenas unidos neste obscuro caminho
apenas a sofrer a mesma dor

Sei que não somos donos do amanhã
tantas coisas podem mudar
sem que demos por isso
tudo pode acontecer
por isso meu amor
por ti
por nós
irei continuar a esperar
que acabem
que desistam
desta...

Paixão proibida

M. Godinho

Pintura-Vicente Romero Redondo




domingo, 1 de março de 2015

A tua Presença

A tua presença sinto

Olhos fechados
não preciso ver-te
não preciso tocar-te
apenas sentir-te
sentir-te em mim
sentir-te com todo o meu ser
na minha alma
no meu desejo

Sinto-te
nos meus desvaneios
nas minhas loucuras
loucuras imploradas
loucuras desejadas

De olhos fechados...

A tua presença sinto

M. Godinho

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Momentos de Solidão

Momentos de solidão
Este sentimento de solidão
fere destruindo o meu coração
ah...
esta saudade que m' invade
a cada momento
a cada instante
fico só e contigo
no pensamento
Ainda te espero
tal é a minha loucura
tal é o meu ardente desejo
amo-te tanto
meu grande amor
minha doce ternura
Se por ventura a morte chegar
antes que a mim voltes
desolada
desesperada ficarei
com o coração a sangrar
ah!
meu amado
nada me irá consolar
Passe o tempo que passar
por ti estarei a esperar
porque ainda te amo
mentiria se dissesse
que a minha vida
é a mesma sem ti
seria mentir a mim mesma
iludir os sentimentos
seria uma farsa
ao tentar disfarçar
o meu desespero
a minha saudade
não...
não me quero enganar
Antes que a minh'a morte chegue
vivo e viverei infortunadamente
estes meus...
Momentos de solidão
Pintura-Vicente R, Redondo

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Jamais posso dizer adeus


Jamais posso dizer adeus

Meu amor
Não quero outra forma de amar
inda que me impeças
inda que me ignores
insisto em amar
insisto em desejar-te
apenas a ti
sem receio
sem medo
do que possas pensar

Ah!
meu querido
se soubesses
como o meu corpo anseia pelo teu
como a minh'alma chora pela tua
saberias o quanto te desejo
o quanto quero sentir
o aconchego dos teus abraços
o calor dos teus beijos
não tenho culpa amor
se o meu coração te escolheu

Minha saudade não morreu
comigo estarás sempre
por isso meu querido

Jamais posso dizer adeus

M. Godinho

Pintura- Vicente R. Redondo

sábado, 24 de janeiro de 2015

Meu mundo esquecido

Meu mundo esquecido
Sinto-me vazia
vagueio num beco do tempo
à toa e sem rumo
só o passado na mente
vivo por viver
sem esperança
sem luz com
a escuridão
e solidão por companheira
Nada resta dentro de mim
quem dera encontrar
uma saída
um lugar noutra vida
onde permanecesse
no presente
onde pensasse num futuro sem fim
Ah!
triste padecer
quanto sofrimento
quanta dor
sinto a esmargar
e apertar o meu peito
neste inferno de vida
neste...
Meu mundo esquecido
M. Godinho
Pintura Vicente Romero Redondo

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Não me reconheço

Não me reconheço

Sinto-me isolada
sinto-me aprisionada 
numa ânsia de amar
numa vontade de ser amada

Não me reconheço

Vivo com medo
algures estou
perdida nesta solidão
que transformou
a minha vida
em plena escuridão

Tento seguir
tento fugir desta solidão
mas a...
minha alma teima e
não deixa que saia
desta estranha e
amarga prisão

Não me reconheço

M. Godinho

O motivo e a razão

O motivo e a razão
desta minha angústia
desta minha solidão
fruto é...
deste soluço
que me faz calar
que me impede de falar
Ah...
Quem dera fosse diferente
encontrar alguém
para dizer
para desabafar
tudo o que sinto ultimamente
pois...
vivo apavorada nesta solidão
nesta minha timidez
que me perdoem
mas os os meus olhos
não sabem falar
estão apenas a chorar!
M. Godinho

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Inocentemente

Inocentemente
Errei ao amar-te
oh!
quanta ilusão
quanta frustração
me causaste
de te amar
e não ser amada
Pudera eu
voltar atrás no tempo
moderar o meu sentimento
quiça não cometia o mesmo erro
de te amar louca e perdidamente
agora...
de nada servem as lamúrias
ou as lágrimas derramadas
por te ter amado
Inocentemente
M. Godinho

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Esperei pelo Amor

Esperei pelo amor

Por fim o encontrei
a espera terminou
surgiste não sei de onde
e o amor ficou

Agora que o encontrei
a solidão se foi
o carinho voltou
ah!
como é maravilhoso
voltar a amar
voltar a ser amada!
meu coração
preenchido ficou

Digo com gratidão
que este amor
libertou a minha alma
de todo o mal
de toda a solidão

Valeu a pena
tudo o que passei
angústia, solidão e dor?
sim!
pois...
pacientemente

Esperei pelo amor

M. Godinho

Sculptor- Brigitte Teman

Meu Amor

Meu amor

Por ti 
por tua causa
sozinha fiquei 
temendo o medo
temendo a solidão

Reservei
guardei segredos
guardei meu amor
no silêncio da alma
na recordação de
quem tanto te amou

Por ti
por tua causa
em silêncio gritei
por ti

Meu amor

M. Godinho

Para Sempre

Para sempre
para uma vida

Jamais se esquece
quem um grande amor vive
na partilha de sentimentos
de amor
de paixão
de tormentas
de dor

Jamais se esquece
jamais se deixa de sentir
quem um grande amor vive
porque é...

Para sempre
para uma vida

M. Godinho

Espero-te

Espero-te

Olho o horizonte...
procuro um sinal
que me dê esperança 
de te ver
de te ter

Além desta espera
além de mim mesma
apenas sei
o quanto te amo
o quanto te quero
e...
já não sei
se sou eu
se és tu
quem está ausente!

Por tanto te amar
por tanto te desejar...

Espero-te

M. Godinho

Sorrateiro Coração

Sorrateiro coração

Tu que bates
ligeiro
sorrateiro e
silenciosamente
Diz-me que um dia
vais...
voltar a bater desenfreado
louco e desvairado

Não te isoles coração
acredita no amor
acredita na esperança
eu quero tanto acreditar
peço-te,
colabora...

Sorrateiro coração

M. Godinho

Amar!

Amar-te simplesmente

Amar sem tempo
Amar sem barreiras
Amar sem tabus 
Amar sem distâncias

Meu amor é valioso para ser rejeitado
Imenso para ser perdido
Intenso para ser esquecido

Só quero
Só desejo...

Amar-te simplesmente

M. Godinho

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Ironia da Vida

Ironia da vida

Tanto que te amei
com o ardente fogo da paixão
com toda a intensidade
e brilho no coração
Ironia do destino...
apenas e somente
fui para ti
um mero desejo
um simples objecto
um breve momento!
Misturados e divididos
estão os meus sentimentos
entre o meu amor
entre a minha desilusão

Oh cruel destino!
que se opôs e
não permitiu que comigo ficasses
ah meu amor!
Porque surgiste na minha vida
amar-te assim desmedidamente
e saber que não te posso segurar
como é triste viver assim
sangra de dor o meu coração
depois da nossa separação
depois do teu silencioso adeus

Partiste e saíste da minha vida
não por falta do meu amor
da minha dedicação
da minha paixão
ironia do destino...
Nem um beijo
nem um olhar
mereci com o teu adeus!
Dias que não voltam mais
momentos inacabados
e jogados na triste...

Ironia da vida

M. Godinho

Pintura- Dorina Costras 

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Para ti meu amor

Para ti meu amor

Não esqueças
toda a saudade
todas as lágrimas
que por ti derramei

Sabes amor?
na solidão me deixaste
pois...
meu coração tocaste
tudo acabou
e em mim grande
tristeza e desespero
ficou e me isolou

Hoje sou uma mulher
que mantem a esperança
de voltar a ser amada
de te voltar a ter
envolta em teus braços
ah!
quanta saudade
triste e doce lembrança
que guardo...

Para ti meu amor

M. Godinho

Onde estás amigo?

Onde estás amigo?

Lembro-me de ti.
Lembro-me ...
dos nossos momentos...
juntos,
ausentes.
Saudade…
Da tua doce voz.
do teu sorriso belo e sincero…
da tua firme mão segurando a minha,
do teu caloroso abraço,
mesmo que alegre,
mesmo que tristemente me sentisse!!!

Onde estás amigo?

M. Godinho