sábado, 29 de novembro de 2014

Triste Espera


Triste espera

Espero-te
tento suportar esta ansiedade
tento dominar esta impaciência

Encontro-te
agora lamento...
oh!
quanto me arrependo
porque esperei eu?
porque te quis encontrar?

Insuportável é a dor
insuportável é a decepção
que me causaste
com a tua chegada

Senti que...
nada mais existe em ti
só um vazio no teu olhar
senti...
que no teu coração
não há espaço para amar!
lamento esta...

Triste espera

M. Godinho

4 comentários:

  1. Quanta decepção nesta espera que tanta tristeza trouxe ao coração. Lindo mas muito triste os seus versos
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade Gracita...
      Bem que tento colocar alguma alegria nas minhas palavras, mas não consigo, tendem a voltar sempre com um ar de tristeza ( talvez por ter a tristeza por companheira ).
      Grata amiga e beijinho
      Maria

      Eliminar