quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Talvez um dia...

Talvez um dia...

Entendas o significado
de todo o meu silêncio
de todo o meu sentir

Profundos sentimentos
ardentes desejos te dei a conhecer
não conseguiste entender
não quiseste ver
sabes porquê?
Não me olhaste com o coração
nem tampouco
me sentiste com a alma do teu ser

Ficaram por desvendar
alguns segredos em mim contidos
só os desvendarias
se existisse em ti
um profundo amar!

Quem sabe meu amor...

Talvez um dia...

M. Godinho


Sem comentários:

Enviar um comentário